quinta-feira, 9 de março de 2017

LAVA JATO OU INTERVENÇÃO?


Na verdade reconhecemos que o governo Federal tem buscado recuperar a frágil economia do País, implementando algumas reformas, porém se faz necessário convencer a população brasileira a aceitar pacificamente tais sacrifícios.

Haveria concordância para se arcar com esse ônus, desde que o exemplo viesse de cima, o que me parece muito difícil, pois as lideranças nos três Poderes não vão querer abrir a mão das regalias adquiridas, com megas salários turbinados por benesses, cuja legalidade sem legitimidade afronta a todos nós!

Vivemos em um momento do País, dominado pelo poder da esquerda socialista fracassada e de uma liderança política moralmente falida.

Especialmente nos últimos anos, vimos no Brasil, a quebra de valores morais, os desvios bilionários de nossas riquezas, além do espedaçamento da união nacional, do sentimento de esperança e orgulho do povo brasileiro.
Precisamos deter o desmanche do País, e nossa oportunidade é agora! 

A última instância, o STF, o que seria o guardião da Constituição, banalizou-se de tal forma que levou para o brejo a maior esperança dos brasileiros enxergarem um país ético no futuro.

Ao meu ver e de muitos patriotas brasileiros, só existem duas alternativas para se evitar o caos:
1. A Lava Jato conclui com sucesso a limpeza da política brasileira, ou...
2. Vamos todos apoiar uma intervenção!

Como está...impossível suportar mais!


REAGE BRASIL!

Um comentário:

  1. Preferimos a LAVA JATO. Já houve uma Intervenção Militar em 1964, que deveria durar pouco, e ela durou 21 anos e só não durou mais por causa das arbitrariedades da Ditadura Militar, que até terrorismo praticou com a intenção de atribuí-lo aos comunistas, mas o tiro saiu pela culatra. PIOR do que intervenção militar, só mesmo uma Ditadura do "proletariado" pretendida pelos petistas e comunistas, que também se ferraram e muitos já estão na cadeia, faltando, ainda, o cabeça da Quadrilha!

    ResponderExcluir